A internet como maior aliada na busca de empregos

0
198

A internet como maior aliada na busca de empregos

A internet trouxe diversas inovações para o mercado de trabalho, desde profissões já bastante conhecidas, como webdesigner, até novas profissões, como os famosos criadores de conteúdo das redes: youtubers, podcasters, blogueiros, que conseguem transformar um hobby em sua fonte de renda. Outra inovação que a internet trouxe, foi na forma de procurar e anunciar empregos.

Segundo a Pesquisa dos Profissionais Brasileiros da Catho, realizada neste ano de 2019, a grande maioria dos profissionais buscam empregos pela internet. Desses, 78% usam plataformas/sites de vagas e 55% às redes sociais. A pesquisa foi feita com mais de 6,2 mil entrevistados.

  • Imobiliária Homestation
  • Projeto Mulheres
  • Publicidade e Marketing digital
  • Renorn Network Internet
  • Educação financeira e curso de investimento
  • Renovation Master School

Os motivos para os trabalhadores trocarem a busca de emprego tradicional, ou seja, de forma pessoal, batendo de porta em porta, pela internet, é de fácil compreensão. A busca tradicional requer gastos com transporte, alimentação, impressão de currículos, entre outros. Já, na internet, os custos são muito mais baixos, além da rapidez, facilidade e alcance nas buscas por vagas de emprego.

Tábitha Laurino, gerente sênior da Catho, comenta que a tecnologia tem ajudado, não só na busca por um trabalho, mas também nas contratações, facilitando para o empregador. Além disso, ela comenta o aumento na busca via mobile, pois através do celular, você pode pesquisar oportunidades de emprego em qualquer lugar.

Dados da pesquisa também confirmaram a efetividade da internet, pois 53% afirmaram terem conseguido agendamentos de entrevistas com recrutadores, através de sites de emprego. As redes sociais também possuem grande participação, pois 24% dos entrevistados disseram ter obtido sucesso por esse meio.

As plataformas de emprego têm se sobressaído, devido a Inteligência Artificial (IA), de acordo com Laurino. A IA consegue conectar as qualificações dos trabalhadores, com os requisitos das vagas. Assim, não só o trabalhador é beneficiado, mas o empregador também. Pois, ele economiza tempo, e encontra de forma mais fácil os currículos que são adequados a vaga oferecida. Tornando a contratação mais rápida.

Existem diversos tipos de plataformas de busca de empregos. Há plataformas pagas, mas também existem as gratuitas, tão boas quanto as que necessitam investimento monetário. Você também encontra aplicativos que possuem como objetivo serem uma espécie de classificados. E, grupos nas redes sociais para divulgação e procura de trabalhos.

Uma das redes sociais de empregos mais famosas é o LinkedIn. Que possibilita ao trabalhador expor seu currículo para qualquer empregador/empresa. Além de possuir uma ferramenta de busca de vagas, e, manter o trabalhador conectado com empresas e com outros profissionais de diferentes áreas.

A internet também está favorecendo e impulsionando cada vez mais empreendedores autônomos. Pela facilidade de criação de conteúdo, divulgação e venda, seja de produtos ou de serviços. Atualmente, é imprescindível que aqueles que buscam empreender utilizem as redes sociais e a internet como um todo.

Fonte: https://www.jornalcontabil.com.br/busca-de-emprego-na-internet-cerca-de-80-dos-profissionais-procuram-oportunidades-online/