Começam os testes dos carros voadores tripulados da Sky Drive

0
310

Começam os testes dos carros voadores tripulados da Sky Drive

Sky Drive, sediada na cidade de Toyota, na província de Aichi, anunciou que os testes de voo tripulado, de seus carros voadores, já iniciaram. Os testes estão ocorrendo desde o fim de dezembro de 2019 e devem ter grandes avanços ainda no início deste ano (2020). De acordo com os planos da empresa, as vendas do produto para o público iniciarão no ano de 2023. E, uma produção em massa será feita em 2026.

A empresa Sky Drive foi criada por jovens engenheiros da Toyata. Seus investimentos em carros voadores começaram no final de 2018 e testes foram realizados, nesse mesmo ano, com voos não tripulados. Os testes tripulados só tiveram início no final de 2019.

  • Projeto Mulheres
  • Renorn Network Internet
  • Publicidade e Marketing digital
  • Renovation Master School
  • Imobiliária Homestation
  • Educação financeira e curso de investimento

O carro voador, testado, tem 3,6 metros de comprimento e 1,6 metros de altura, com dois conjuntos de hélices nos quatro cantos da fuselagem. Os demais detalhes sobre a máquina, ou sobre o teste em si, não foram revelados por razões de confidencialidade. Muitos outros testes serão realizados para verificar a segurança do transporte.

A Sky Drive não é a única empresa a estar desenvolvendo carros voadores, ela está em competição direta com a Airbus na Europa e a Uber Technologies nos EUA.

O projeto do carro da Airbus está sendo desenvolvido em parceria com a Audi. Ele tem capacidade para dois passageiros, podendo andar no céu ou no solo, e tem oito motores elétricos. O protótipo possui 4,40 metros de comprimento.

Quanto a Uber Technologies, em parceria com diversas empresas como a Bell e a Embraer, tem um protótipo que levanta voo verticalmente, com motor elétrico híbrido, e capacidade para até cinco pessoas.

Outras empresas que estão investindo na tecnologia são: Carmorant (Israel), Embraer (Brasil), Lilium Jet (Alemanha), Ehang 184 (China), Nec (Japão), Pal-V (Holanda), entre várias outras.

A tecnologia pode ser aplicada em várias áreas, como: transporte de pessoas, para resolver problemas de congestionamentos; resgates, em casos de desastres naturais ou locais de difícil acesso, transporte de materiais; e entregas de produtos. No entanto, para que isso tudo possa ser posto em prática, muitas outras questões precisam ser pensadas. Entre elas, os sistemas de segurança das aeronaves e as regras de tráfego, para que não ocorram acidentes.

Fonte: https://www.asahi.com/sp/articles/ASN153HRKN15OIPE001.html?iref=sptop_8_03

https://g1.globo.com/carros/noticia/2019/08/05/carro-voador-veja-projetos-em-desenvolvimento.ghtml