Diplomatas americanos boicotarão Jogos de Inverno de Pequim

A Casa Branca anunciou na segunda-feira que fará um boicote diplomático da Olimpíada e Paralimpíada de Inverno de Pequim. Atletas americanos terão permissão para participar do evento, mas delegados do governo não comparecerão aos Jogos.

Autoridades americanas do governo do presidente Joe Biden criticaram repetidamente líderes chineses por abusos aos direitos humanos. Afirmam que o tratamento dado a muçulmanos e outras minorias na Região Autônoma de Xinjiang Uygur corresponde a genocídio.

  • Projeto Mulheres
  • Imobiliária Homestation
  • Renovation Master School
  • Educação financeira e curso de investimento
  • Publicidade e Marketing digital

Legisladores vêm pedindo a Biden que se posicione sobre a questão. Os pedidos foram renovados no mês passado depois de a estrela chinesa do tênis Peng Shuai ter desaparecido da vista do público seguindo-se a uma declaração sua acusando um ex-líder do Partido Comunista de abuso sexual.

Diplomatas chineses já estavam esperando um boicote. O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores Zhao Lijian disse que tal medida seria uma mancha no espírito das Olimpíadas. Ele alertou que a China tomaria “contramedidas”, mas não especificou o que elas seriam.

 

Fonte: NHK