Governo japonês aumenta restrições de entrada no país

O governo japonês decidiu suspender a reentrada de todos os estrangeiros de 10 países africanos, inclusive das pessoas com visto de residência no Japão, em meio a propagação da variante ômicron do coronavírus em todo o mundo.

Os 10 países incluem África do Sul, Angola, Zâmbia, Zimbábue e Namíbia. A proibição entra em vigor a partir de quinta-feira.

  • Publicidade e Marketing digital
  • Imobiliária Homestation
  • Educação financeira e curso de investimento
  • Projeto Mulheres
  • Renovation Master School

A medida ocorre depois da proibição do Japão, em princípio, de novas entradas no país para todos os estrangeiros que não são residentes desde a terça-feira.

Em outra medida, Suécia, Espanha, Nigéria e Portugal foram adicionados à lista de áreas de proveniência em que cidadãos japoneses e de outras nacionalidades devem ficar de quarentena em local designado por três dias após a chegada no Japão.

A lista inclui agora 48 países e regiões.

 

Fonte: NHK