Japão é recipiente de cerca de 40% das vacinas exportadas pela Europa

Japão é recipiente de cerca de 40% das vacinas exportadas pela Europa

Segundo a União Europeia, o Japão é recipiente de cerca de 40% de suas exportações autorizadas de vacinas contra o coronavírus.

Na quinta-feira, a Comissão Europeia, braço executivo da união, disse que até o dia 3 de maio havia autorizado exportações de cerca de 178 milhões de doses de vacinas para 45 países e regiões.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Publicidade e Marketing digital
  • Imobiliária Homestation
  • Renovation Master School

Segundo a comissão, o Japão é recipiente de cerca de 72 milhões dessas doses, cerca de 40% do total, seguido pelo Reino Unido, com cerca de 18,5 milhões e pelo Canadá, que é o destinatário de cerca de 18,4 milhões.

A União Europeia vem impondo rigorosos controles de exportação desde janeiro, devido à crescente preocupação sobre o suprimento de vacinas. Fabricantes que quiserem exportar para mercados fora da União Europeia precisam requerer autorização de exportação antecipadamente.

A comissão disse ainda que a União Europeia emitiu 854 permissões e que havia recusado apenas um pedido, reiterando que o mecanismo de autorização para exportações tem como objetivo entender a circulação das vacinas manufaturadas no bloco, e não regulá-las.

A distribuição de vacinas contra o coronavírus enfrenta uma variedade de desafios em todo o mundo. Alguns governos estão discutindo uma suspensão temporária da proteção de propriedade intelectual das vacinas.

 

Fonte: NHK