Japão prorroga proibição de entrada de novos estrangeiros até início de 2022

O premiê do Japão, Kishida Fumio, pretende estender as rígidas restrições de entrada no país até o início do ano que vem para conter a variante ômicron.

As atuais restrições, impostas pelo governo em 30 de novembro, praticamente proíbem a entrada de estrangeiros não residentes no país e tornam mais rígidas as regras de quarentena para qualquer pessoa de retorno de nações onde a presença da cepa tenha sido confirmada. As medidas originalmente seguiriam em vigor por um mês.

  • Imobiliária Homestation
  • Projeto Mulheres
  • Renovation Master School
  • Publicidade e Marketing digital
  • Educação financeira e curso de investimento

O primeiro-ministro afirmou a repórteres no sábado que decidiu adotar tais restrições, as mais rígidas entre os países do G-7, porque a nova variante ainda tem muitos aspectos desconhecidos. Segundo Kishida, elas continuarão em vigor até o início do ano e podem ser estendidas novamente.

 

Fonte: NHK