Maior maré alta desde 1966 causa danos em Veneza e preocupações com as mudanças climáticas.

Maior maré alta desde 1966 causa danos em Veneza e preocupações com as mudanças climáticas.

Nesta terça-feira (12), uma inesperada maré alta de cerca de 1,90 metros atingiu Veneza na Itália. Segundo o prefeito da cidade, Luigi Brugnaro, será pedido “estado de catástrofe natural”.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Publicidade e Marketing digital
  • Renovation Master School
  • Imobiliária Homestation
  • Renorn Network Internet
  • Projeto Mulheres

Apesar de Veneza ser conhecida pelo nível alto de suas águas, um dos principais motivos de receber grandes quantidades de turistas todos os anos, o nível alcançado, desta vez, não era visto desde 1966 e causou danos a cidade, principalmente em lojas e no patrimônio artístico. Entre os locais famosos atingidos pela inundação, estão a Praça de São Marcos e a Basílica de São Marcos.

O aumento na elevação das águas, comum nessa época do ano e chamado de “acqua alta”, costuma atingir apenas as zonas baixas da cidade, mas, este ano, ultrapassou o esperado, tendo como causa as constantes chuvas e os fortes ventos saarianos, que em conjunto causaram o desastre. Acredita-se que 15% da cidade esteja inundada e que esse número possa aumentar, causando mais danos e custos a Veneza.

Ainda, segundo Brugnaro, espera-se que o nível das águas continue subindo, e em apelo, o prefeito pede ajuda a todos para lidar com o que considera, claramente, um dos impactos da mudança climática mundial.

Fonte:  https://headlines.yahoo.co.jp/hl?a=20191113-00000008-asahi-int

https://www.noticiasaominuto.com/mundo/1357302/as-imagens-da-cidade-de-veneza-inundada

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/11/13/mare-alta-historica-afeta-veneza.ghtml