Mais de 5 mil deixaram ensino superior no Japão devido ao coronavírus

Mais de 5 mil deixaram ensino superior no Japão devido ao coronavírus

O governo japonês descobriu que pelo menos 5.800 estudantes de universidades e escolas técnicas deixaram o curso ou trancaram a matrícula entre abril e dezembro do ano passado, por causa da disseminação do coronavírus.

O Ministério da Educação realizou uma pesquisa envolvendo universidades, faculdades de 2 a 3 anos e escolas técnicas em todo o Japão. Cerca de 95%, ou 1.009 instituições de ensino, responderam ao levantamento.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Imobiliária Homestation
  • Renorn Network Internet
  • Renovation Master School
  • Publicidade e Marketing digital
  • Projeto Mulheres

A propagação do coronavírus foi citada como um dos principais motivos da saída dos estudantes das instituições de ensino.

Segundo a pesquisa, 1.367 alunos deixaram os estudos de forma definitiva, enquanto 4.434 trancaram a matrícula por causa da pandemia.

De um modo geral, 28.647 estudantes deixaram os cursos definitivamente durante o período de oito meses devido à pandemia e outros motivos. Houve uma queda de aproximadamente 20% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O número de estudantes que deixaram os cursos temporariamente é de 65.670, o que corresponde a uma diminuição de quase 10% em comparação com um ano antes.

Autoridades do ministério acreditam que o declínio possa ser resultado dos mecanismos de auxílio introduzidos durante a pandemia.

 

Fonte: NHK