Mais de 60% das empresas japonesas relutam em ver os Jogos Olímpicos de Tóquio este ano

Mais de 60 por cento das empresas no Japão estão relutantes em ter os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Tóquio neste ano devido a preocupações sobre a baixa taxa de vacinação COVID-19 do país, uma pesquisa feita por uma empresa de pesquisa de crédito mostrou no início desta semana.

A pesquisa online conduzida pela Tokyo Shoko Research de 1 a 9 de junho descobriu que 34,7% das 9.163 empresas respondentes prefeririam que os jogos fossem cancelados, enquanto 29,3% desejavam que eles fossem adiados.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Renovation Master School
  • Renorn Network Internet
  • Imobiliária Homestation
  • Projeto Mulheres
  • Publicidade e Marketing digital

Por outro lado, 36,0% das empresas disseram que queriam que o grande evento esportivo fosse realizado conforme programado, uma queda de cerca de 8 pontos em relação à pesquisa anterior, em fevereiro.

Em várias respostas, 76,3% das empresas citaram a baixa taxa de vacinação como a razão para adiar ou cancelar os jogos, seguido por 75,7% referindo-se às preocupações de que a chegada de funcionários olímpicos do exterior poderia ajudar a piorar a situação da infecção por coronavírus no Japão.

Outros 63,6% responderam que desviar trabalhadores médicos para o evento causaria uma pressão no sistema geral de saúde no Japão.

Em relação ao impacto que o cancelamento ou adiamento dos jogos teria em seus negócios, 58,8% das 4.092 empresas que responderam disseram que teria um “grande impacto negativo”, enquanto 41,2% disseram o contrário.

 

Fonte: mainichi