Marinha americana corre para recuperar caça de alta tecnologia que caiu no Mar da China Meridional

A Marinha dos Estados Unidos afirma que um de seus mais sofisticados caças caiu no Mar da China Meridional após não ter conseguido aterrissar em um porta-aviões na segunda-feira. A corporação agora tenta recuperar a aeronave com urgência.

O caça furtivo modelo F-35C realizava tentativa de aterrissagem na embarcação USS Carl Vinson, que participava de um exercício. Sete funcionários ficaram feridos no incidente.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Projeto Mulheres
  • Renovation Master School
  • Imobiliária Homestation
  • Publicidade e Marketing digital

Um porta-voz da Sétima Frota dos Estados Unidos confirmou na quarta-feira à NHK que a aeronave atingiu o deck do porta-aviões, e em seguida caiu no mar.

Órgãos de imprensa dos Estados Unidos mencionaram preocupações de que a aeronave, que contém tecnologias altamente sofisticadas, possa vir a cair nas mãos da China se não for recuperada de imediato, já que o país tem aumentado sua presença marítima na área em questão.

O porta-voz da Sétima Frota americana afirmou que não é possível especular as intenções chinesas sobre o assunto.

 

Fonte: NHK