Mudanças na economia japonesa em 2020: influência das Olimpíadas e da “digitalização da economia”

0
153

Mudanças na economia japonesa em 2020: influência das Olimpíadas e da “digitalização da economia”

Os Jogos Olímpicos costumam trazer um crescimento econômico para o país sede. Afinal, o turismo e a visibilidade,  trazem grandes lucros ao país e a população. No entanto, assim que as festividades passam, uma queda óbvia acontece no quesito econômico. E, espera-se que isso não seja diferente nas Olimpíadas de Tóquio, em 2020, apesar dos esforços do governo.

Os economistas têm debatido bastante sobre qual será o futuro econômico do Japão, após o evento. Mas, até agora, estão divididos entre otimistas e pessimistas.

Segundo o site Nippon, os pessimistas acreditam que haverá uma recessão causada por uma queda acentuada no investimento, devido ao desaparecimento de uma enorme demanda por desenvolvimento de infraestrutura, com o evento esportivo. Isso ocorreu com todos os países que já foram sedes do evento. Ao término dos jogos, há uma desaceleração no crescimento e depois,  um declínio ou uma estagnação econômica.

Nas Olimpíadas de Tóquio de 1964, isso também ocorreu. Quando o evento terminou, a economia japonesa teve uma desaceleração e uma posterior queda.

O governo tem criado medidas para estimular a economia e sustentá-la após os jogos. Para isso, somente em dezembro, foram investidos 26 trilhões de ienes. Um dos objetivos, desse investimento, é despertar o interesse dos turistas no país, para que eles voltem futuramente, em férias ou em outros eventos.

Outra questão que afetará a economia, refere-se às empresas japonesas. Em 2020, haverá diversos desafios para empresários, sendo o principal, a mudança nas estruturas industriais, devido à “digitalização da economia”, segundo Hiroaki Nakanishi (principal líder empresarial japonês). A chamada “digitalização da economia” é a transformação dos movimentos e mercadorias em dados e a utilização desses dados acumulados para a criação de novos produtos e serviços.

De acordo com Nakanishi, essa digitalização é imparável e requer assumir riscos, algo que os empresários japoneses não fazem desde 2008, quando ocorreu o colapso do banco de investimentos americano, Lehman Brothers. Assim, será necessário um grande esforço de adaptação por parte das empresas.

A economia japonesa passará por grandes mudanças neste ano. Essas mudanças podem trazer grandes avanços econômicos para o país, mas também trazem riscos. Só saberemos o resultado, das medidas do governo e do processo de adaptação dos empresários japoneses, no futuro.

Fonte: https://www.nippon.com/en/news/yjj2019123000356/economists-watching-to-see-if-japan-can-avert-olympic-cliff.html

https://www.nippon.com/en/news/yjj2020010300299/japanese-business-leaders-cite-challenges-for-2020.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here