Nissan e Mitsubishi Motors vão lançar miniveículo elétrico no Japão

O presidente e CEO da Nissan Motor Co., Makoto Uchida, à esquerda, e seu colega da Mitsubishi Motors Corp., Takao Kato

A Nissan Motor Co. disse que lançará um novo miniveículo elétrico co-desenvolvido com a Mitsubishi Motors Corp. neste verão, enquanto as duas montadoras pretendem aumentar sua participação no mercado doméstico de carros leves populares.

A Nissan e sua parceira Mitsubishi Motors desenvolveram em conjunto o novo EV, a ser vendido sob suas respectivas marcas, para reduzir os custos de produção e fazer uma adição mais acessível à sua linha de miniveículos, que oferecem vantagens fiscais aos consumidores.

  • Publicidade e Marketing digital
  • Renovation Master School
  • Projeto Mulheres
  • Imobiliária Homestation
  • Educação financeira e curso de investimento

Os miniveículos são exclusivos do mercado japonês, respondendo por cerca de 40% dos automóveis registrados no país. Eles são limitados a 3,4 metros de comprimento, 1,48 metros de largura e 2,0 metros de altura. Para miniveículos com motor a gasolina, a cilindrada máxima do motor é fixada em 660 cc.

O novo modelo, que será vendido pela Nissan como Sakura e pela Mitsubishi Motors como eK X EV, terá autonomia de até 180 quilômetros, disseram as duas empresas.

“Reunimos as tecnologias de eletrificação que a Nissan desenvolveu até agora”, disse o presidente e CEO da Nissan, Makoto Uchida, em uma cerimônia realizada na fábrica de Mizushima da Mitsubishi Motors, na província de Okayama, oeste do Japão.

Takao Kato, presidente e CEO da Mitsubishi Motors, disse que o novo modelo é um produto de “próxima geração”, já que o Japão tenta alcançar a neutralidade de carbono.

O modelo é o primeiro miniveículo elétrico de produção em massa para a Nissan. Está programado para ser colocado à venda no Japão neste verão, com preço a partir de aproximadamente 1,78 milhão de ienes (US$ 13.900), incluindo impostos e levando em conta o subsídio de veículos de energia limpa do governo, disse a Nissan.

O preço do modelo da Mitsubishi começará em 1,84 milhão de ienes.

O modelo Nissan, oferecido em 15 cores de carroceria, contará com estacionamento automatizado. O tempo de carregamento padrão é de oito horas, disse a empresa.

As montadoras globais estão intensificando os esforços para impulsionar seu desenvolvimento e ofertas de veículos elétricos e desempenhar seu papel nos esforços globais para reduzir as emissões de dióxido de carbono.

A Toyota Motor Corp., a montadora número 1 do mundo em volume, disse em dezembro que gastará 8 trilhões de ienes até 2030 na eletrificação de seus veículos, ao elevar sua meta global de vendas de veículos elétricos para 3,5 milhões de veículos elétricos naquele ano.

A Honda Motor Co. disse no mês passado que lançará 30 modelos EV globalmente até 2030. A montadora japonesa pretende colocar um miniveículo elétrico no mercado no primeiro semestre de 2024.

A Suzuki Motor Corp. e a Daihatsu Motor Co. planejam lançar um miniveículo elétrico até 2025.

 

Fonte: (via Mainichi)