Seven-Eleven reforça suporte de vida profissional para trabalhadores estrangeiros no Japão

A Seven-Eleven Japan Co. disse que iniciará programas para apoiar a vida privada e profissional de trabalhadores estrangeiros em suas lojas de conveniência, como parte dos esforços para retê-los em meio à escassez de mão de obra devido ao envelhecimento da população japonesa.

A operadora de lojas de conveniência, que emprega cerca de 37.000 estrangeiros, planeja estabelecer um banco de dados que irá compilar informações sobre eles, incluindo nacionalidade, escolaridade e histórico de empregos, para aumentar a credibilidade dos trabalhadores ao solicitarem cartões de crédito, aluguel de imóveis e outros serviços, o disse a empresa.

  • Renovation Master School
  • Publicidade e Marketing digital
  • Projeto Mulheres
  • Imobiliária Homestation
  • Renorn Network Internet
  • Educação financeira e curso de investimento

Os programas para trabalhadores estrangeiros, principalmente estudantes, visam incentivá-los a se estabelecer no Japão e trabalhar por um longo prazo, acrescentou.

Os trabalhadores estrangeiros respondem por cerca de 9,5 por cento do total de funcionários das lojas da Seven-Eleven e se tornaram vitais para operar os pontos de venda, disse a empresa.

Os programas serão liderados pela Seven Global Linkage, uma organização que a empresa fundou no ano passado para criar uma sociedade onde japoneses e estrangeiros vivam em harmonia.

A Seven-Eleven, controladora da Seven & i Holdings Co., o Seven Bank e cinco outras firmas se juntaram à iniciativa, incluindo um provedor de serviços de solicitação de visto online e um fiador de imóveis para aluguel para estrangeiros.

A organização também introduzirá cursos de treinamento para trabalhadores estrangeiros aprenderem habilidades, incluindo aquelas exigidas nos setores de distribuição e tecnologia da informação.

 

Fonte: mainichi