Terramoto elimina 20% da capacidade de refinação do Japão

Terramoto elimina 20% da capacidade de refinação do Japão

As refinarias japonesas lideradas pela maior, a Eneos Corp, encerraram um quinto da capacidade de refinação de petróleo bruto do país, depois de um poderoso terramoto ter atingido o nordeste do Japão, derrubando linhas de comboios de balas e ferindo mais de 150 pessoas.

As paralisações das refinarias do quarto maior importador de petróleo do mundo são outro potencial sucesso depois da pandemia ter levado à evaporação da procura bruta no último ano.

  • Renovation Master School
  • Publicidade e Marketing digital
  • Renorn Network Internet
  • Imobiliária Homestation
  • Projeto Mulheres
  • Educação financeira e curso de investimento

Até 743.000 barris por dia (bpd) de capacidade de processamento de petróleo foi idled, quase 22% da capacidade de cerca de 3,4 milhões de bpd do Japão.

As refinarias em locais de Yokohama para Sendai perto do epicentro do terramoto de magnitude 7,3, que atingiu um pouco antes da meia-noite de sábado, ou foram automaticamente desligadas ou foram imediatamente desativadas para verificação.

A Eneos disse na segunda-feira que encerrou a sua refinaria de 145.000 barris por dia (bpd) sendai depois de ter sido atingida por um grande terramoto no sábado. A empresa ainda está a fazer verificações na refinaria e não tem data de reinício, disse o porta-voz.

A Eneos disse mais tarde que a refinaria de 270.000 bpd Negishi da empresa também tinha encerrado e não tinha data para o reinício das operações.

O terramoto atingiu a costa do nordeste do Japão, ferindo dezenas de pessoas, provocando cortes de energia generalizados e causando danos em partes do norte do Japão, incluindo em Fukushima, que ainda está a recuperar uma década depois de um terramoto maior na mesma área.

A Fuji Oil Co Ltd fechou a unidade de destilação de crude (CDU) de 143.000 barris por dia na sua refinaria de petróleo sodegaura, em Chiba, a leste de Tóquio, depois de ter sido atingida por um terramoto no sábado, disse um porta-voz da empresa na segunda-feira.

A única refinaria da Fuji Oil foi encerrada automaticamente após o terramoto e a empresa planeia reiniciar a CDU na terça-feira, uma vez que não foram encontrados danos, disse o porta-voz.

Idemitsu Kosan não respondeu de imediato a um pedido de comentário sobre os media que tinha encerrado a sua refinaria de 190.000 bpd Chiba, também por causa do terramoto.

 

Fonte: Japan Today