Toyota interromperá 8 fábricas no Japão devido aos bloqueios de Xangai

A sede da Toyota Motor Corp. é vista na cidade de Toyota, província de Aichi, nesta foto tirada de um helicóptero Mainichi Shimbun.

A Toyota Motor Corp. disse na terça-feira que suspenderá as operações em 14 linhas em oito fábricas no Japão por até seis dias este mês, pois é difícil adquirir peças devido ao prolongado bloqueio do COVID-19 em Xangai.

Com o plano, a Toyota disse que sua produção global para maio será reduzida para cerca de 700.000 veículos em relação à meta anterior de 750.000.

  • Educação financeira e curso de investimento
  • Publicidade e Marketing digital
  • Imobiliária Homestation
  • Renovation Master School
  • Projeto Mulheres

As fábricas, incluindo Motomachi e Miyata nas províncias de Aichi e Fukuoka, respectivamente, serão interrompidas entre 16 e 21 de maio, disse a montadora, acrescentando que isso resultaria em um corte de produção de cerca de 30.000 unidades.

A suspensão parcial aumentará o número de fábricas da Toyota no Japão afetadas para 12. A empresa, que administra um total de 14 fábricas no Japão, já havia dito no mês passado que interromperia algumas operações em 10 linhas em nove fábricas em maio devido à escassez de semicondutores.

 

Fonte: (via Mainichi)